sexta-feira, 19 de fevereiro de 2016

É só uma oração






Senhor, eu sei o que é o seu amor,

Sou sua planta mais rara.

Moro em seu jardim.

Por vezes estou seca e murcha,

Aí, você chove em mim,

Suas lágrimas encharcadas

.................................................

Vida é o que sei de ti

Mesmo a carne morta,

Ela confere alimento

É um círculo frenético

De vai e vem

Uma bola encantada

.............................................

Sei da sua bondade em acordarme

Todos os dias

E da sua espera em ver a verdade, mas

Hipocrisia nos homens, é o que vês

Aí, a fim de banir a mazela,

Você venta seus ventos fortes

Gelifica os mares e esquenta o verão

.................................................................

Sinto a sua dignidade

Perante a criação,

Somos seres deformados por nossas ações

Darlheia, o contrário, enorme satisfação.

Sei da sua constante nos dias e noites

Também do exemplo em renovação

Mas sou ser tão miúdo senhor,

Que ofereço a ti, essa menor oração.

Ana Cristina.

Imagem: Google.